A necessidade de um Tribunal de Nuremberga 2.0

genocidio covideiro web

Membros dos me®dia (jornalistas) que mentiram e enganaram o povo alemão (por exemplo, o jornalista Julius Streicher), e que apoiaram o genocídio perpetrado pelos nazis, foram condenados à forca pelo Tribunal de Nuremberga entre 1945 e 1948 — assim como foram enforcados médicos e enfermeiras que participaram em experiências médicas com seres humanos utilizados como cobaias.