O Polígrafo alardeia “verdades” manhosas, seguindo o exemplo do seu guru, o monhé manhoso

poligrafo vox web

O Polígrafo invoca uma sondagem, de meados de Janeiro de 2022, para dizer que o partido espanhol VOX só tem 14,7% das intenções de voto em Espanha — e que, portanto, André Ventura mente.

O Polígrafo “esquece-se”, ou faz de conta que não sabe, que as intenções de voto não se cristalizam no tempo — as sondagens são dinâmicas e praticamente diárias.

Uma sondagem de 28 de Janeiro de 2022 dava o VOX com 17%, e o Podemos com 11%.

Portanto, se o André Ventura exagera (ou seja, mente) quando fala em 20% para o VOX, o Polígrafo também mente mas de uma forma manhosa, à moda do monhé manhoso.

Em França, os “emerdados” [de Macron] reagem

emerdados franceses web¿Como foi possível que a maioria do povo tenha chegado ao ponto de concordar com a ideia de o Estado ter legitimidade para poder injectar os cidadãos com os químicos que a elite quiser?

“A tirania é a perversão do igualitarismo, porque trata a esmagadora maioria dos cidadãos como igualmente insignificantes.”

→ Hannah Arendt

A necessidade de um Tribunal de Nuremberga 2.0

genocidio covideiro web

Membros dos me®dia (jornalistas) que mentiram e enganaram o povo alemão (por exemplo, o jornalista Julius Streicher), e que apoiaram o genocídio perpetrado pelos nazis, foram condenados à forca pelo Tribunal de Nuremberga entre 1945 e 1948 — assim como foram enforcados médicos e enfermeiras que participaram em experiências médicas com seres humanos utilizados como cobaias.

Variante Omicron do Covid19: não acreditem nos me®dia !

A “nova” variante do COVID-19 a que a OMS (Organização Mundial de Saúde) chamou de “Omicron”, foi descoberta em primeiro lugar no Botswana em quatro pessoas que tinham sido duplamente vacinadas contra o COVID-19, segundo informação do próprio governo daquele país. 

Não acreditem nos jornalistas — que são autênticos criminosos! — que dizem que se trata de uma variante “causada pelos não-vacinados”.

omicron-covid-web

“Fact-check” de "Fake News" sobre a “vacina” da PFIZER, propalados pelos me®dia portugueses

Os me®dia portugueses — todos, desde o Diário de Notícias ao Observador — têm publicado “Fake News” acerca de uma putativa aprovação, por parte da FDA (Food and Drug Administration), da vacina da PFIZER.

Os me®dia portugueses — como sempre fazem — mentem ao povo português. Os me®dia portugueses são desonestos e até criminosos.

pfizer-fda-index

Se lerem bem o comunicado da FDA (Food and Drug Administration), este organismo informa que 1/ apenas procedeu à revisão da Autorização do Uso de Emergência da referida “vacina”, e 2/ o estudo da segurança da dita “vacina” só estará completo em Maio de 2023!

Caro leitor!: Não confie na merda dos me®dia!


Vejam aqui um vídeo que entrevista o dr Robert Malone, o inventor das vacinas mRNA. Naturalmente que — segundo o Totalitarismo de Veludo — o dr Malone é negacionista… e reaccionário.

O jornaleco “Observador” e o jornalismo de merda

Eis aqui um exemplo de desonestidade jornalística e dos “fact-checkers” de merda:

merda-do-observador-vacinas-web

A verdade dos factos:

  • Uma pessoa (com menos de 50 anos) em cada 50 mil pessoas (rácio de 1 / 50.000), desenvolve coágulos sanguíneos (I.T.P. e/ou VITT) directamente relacionados com a vacina da AZ.
  • Deste rácio de 1/50.000, 23% das pessoas (com menos de 50 anos) morreu.
  • 1 em cinquenta mil não é um “evento raro”! Um “evento raro” seria, por exemplo, 1 em um milhão.
  • Segundo a hematologista britânica Sue Pavord, este fenómeno mortífero (I.T.P. e/ou VITT) afecta normalmente pessoas jovens e saudáveis, e tem uma alta percentagem de mortalidade.


No que diz respeito às outras vacinas (Moderna ou Pfizer), também há inconvenientes graves — mas só acontecem aos outros!

pimenta-no-cu-dos-outros-web

¿Querem saber a verdade acerca das “vacinas” COVID-19? Sigam o “The Covid Blog”

¿Querem saber a verdade acerca das “vacinas” COVID-19? Sigam o The Covid Blog.

covid-death-web

Não confiem minimamente nos me®dia! A comunicação social (os pasquins, as estações de televisão, e os “Big Tech”) existe para enganar o povo; nada mais faz do que enganar propositadamente as pessoas.

O FaceBook adverte os utilizadores acerca do perigo de usar o FaceBook

facebook-warning-web

“We took a survey of our users’ biggest problems,” explained the eccentric, hoodie-wearing CEO of Facebook, Bob Facebook, “and there was one consistent problem with their mental health: us. So now we’re going to warn people when they’re doing something that seems bad for them—namely, using Facebook.”