O Pacheco e o seu auto-virtuosismo radical de Esquerda (gaba-te!, cesta!, que vais à vindima!), ou a pobreza do debate do Pacheco

Não esperemos, do Pacheco, qualquer crítica à corrupção manifesta e comprovada do candidato presidencial da Esquerda americana, Joe Biden — porque, para o marxismo cultural do Pacheco (e dos jornaleiros, em geral), tudo o que vem da Esquerda é bom, e tudo o que é de Direita é mau (tolerância repressiva).

Morra o Pacheco!, pim!


o debate do pacheco


Mas dizer que o “Trump é criminoso em matérias fiscais”, sem que o Trump tenha sido alguma vez condenado pela justiça americana, faz parte da narrativa da Esquerda radical própria do Bloco de Esquerda. E dizer que o Trump mata cidadãos, mas o António Costa já não mata, é próprio de uma mente estupidificada e serôdia.

¿Como é possível que o Pacheco se diga “militante do PSD”? ¿A que ponto chegou o PSD?!!

Morra o Pacheco!, pum!

JPP-ZAROLHO

Deixe uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s